BEIJADOR

BEIJADOR

 

Ficha Resumida

Nome Popular

Peixe Beijador, Gourami Beijador

Descrição

 Apresenta coloração branca rosada, verde prateada ou avermelhada. Sua principal característica é o hábito de “beijar” os companheiros, daí seu nome popular: Beijador. É uma espécie ornamental bastante comum e resistente.

A variedade branca rosada é amplamente difundida no aquarismo, mas não ocorre naturalmente sendo uma variedade leucistica obtida através de cruzamento seletivo para fins ornamentais, variedades “short body” ou “balão” idem. Sua forma selvagem apresenta coloração cinza esverdeado e raramente encontrado no aquarismo. A forma branca rosada muitas vezes é referida como H. rudolfi, se tornando sinônimo de H. temminkii na classificação atual. Não se sabe ao certo o porquê do hábito de “beijar” outros peixes, mas estudos indicam que pode estar relacionado a dominância social ou disputas hierárquicas (territorialismo) ou em alguns casos pode estar relacionado a reprodução, seja pela disputas entre machos pelas fêmeas ou durante a formação de casais. É uma espécie micrófaga, se alimentando de pequenas partículas ou seres microscópicos filtrados através das paredes de pequenas dimensões e estrutura modificada de suas guelras. Apresenta lábios carnudos com dentes usados para raspar algas e outros microrganismos em superfícies submersas, porém não apresenta dentes adicionais sobre as mandíbulas ou palato de modo que o peixe é incapaz de esmagar ou morder objetos maiores. Podem respirar oxigênio atmosférico através de seu órgão acessório conhecido como labirinto. Este órgão é formado por uma modificação no primeiro arco branquial, altamente vascularizado e ricamente irrigado por vasos sanguíneos, que faz com que o ar passe bem próximo da corrente sanguínea, proporcionando a troca de oxigênio com o sangue por meio de difusão. A estrutura do órgão varia de complexidade entre as espécies, tendendo a ser mais desenvolvido em espécimes que habitam ambiente privado de oxigênio.

Nome Científico

Helostoma temminckii

Família Científica

Helostomatidae

Origem

Ásia, Tailândia até Indonésia. Originalmente descrito na ilha de Java, atualmente aceito ao longo de grande parte do Sul da Indochina e arquipélago Malaio, incluindo Bacia Dong Nai, Mekong, Tapi e Chao Phraya.

Tamanho máximo

30 cm (comum 15-20 cm) • Estimativa de vida: 10 anos +

Cuidados

 Aquário com dimensões mínimas de 120 cm X 50 cm X 50 cm (300 litros) requerido. A escolha da decoração do aquário é indiferente. Plantas podem ser inseridas embora eles comerão a grande maioria com exceção de plantas de folhas duras como algumas Anubias e Microsorum, além de rochas e raízes para efeito decorativo.

Alimentação

Onívoro (essencialmente herbívoro), em seu ambiente natural alimenta-se principalmente de algas, plantas e insetos. Em cativeiro aceitará alimentos secos e vivos, devendo ser fornecido regularmente alimentos com base vegetal, spirulina e secundariamente alimentos vivos ou ricos em proteínas (tubifex, bloodworm, artêmia, etc.).

Temperamento

Seu comportamento em geral é pacífico, reservando sua agressividade frente a outros Gouramis. Pode se tornar agressivo se mantido em espaço pequeno. Indicado ser mantido com peixes resistentes e de mesmo porte como alguns ciclídeos, ciprinídeos, bagres, mastacembelideos, entre outros.

Dimorfismo sexual

Fêmeas adultas são mais gordas que os machos principalmente quando estão cheia de ovos. Não há outras formas evidentes externamente para distinguir a sexagem da espécie, muitos consideram uma espécie monomorfa.

 

 

  • Modelo: PEIXE DE AGUA DOCE
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$10,00